Pokémon GO | Modo de jogo PVP está chegando! - Multiversos
Siga-nos nas redes sociais

Preparem para perder suas amizades, pois foi confirmado o modo PvP!

Esperado desde o lançamento, hoje desde as 5 da manhã fomos instigados pelas imagens postadas na conta do Twitter do jogo indicando a possível atualização, e há aproximadamente 1h, apesar de sem muitos detalhes, esse modo foi confirmado.

Sendo o modo mais tradicional de jogo de toda a franquia Pokémon, os jogadores da versão mobile esperam desde o dia de seu lançamento pelo modo PvP para Pokémon GO. A Niantic já havia se posicionado sobre suas ações para trazer esse e outros modos multiplayers para o jogo e, até o momento, tem cumprido bem suas promessas. Primeiro conseguimos batalhas nos ginásios, em que os jogadores participam juntos, e este ano, finalmente, conseguimos realizar trocas in game.

Agora só nos resta aguardar por mais informações…

Boas batalhas pra vocês!

RPG

Tormenta 20 | Conheça ‘Grande Savana’, um excelente suplemento não-oficial

Projeto desenvolvido por fã apresenta de forma aprofundada a região da Grande Savana, território quase inexplorado do cenário de Tormenta

Publicado há

em

Tormenta20-Grande-Savana
Ilustração: Khadijah Khatib

A ‘Iniciativa T20’, presente nas metas do financiamento coletivo de Tormenta 20, ainda não saiu do papel, mas já têm em Grande Savana um provável lançamento de sucesso.

Quando Tormenta20 bateu todos os recordes no Catarse, uma das metas extras presentes no projeto era a criação da Iniciativa T20: uma plataforma para a publicação e venda de livros digitais de Tormenta feitos por fãs. Pensando nisso, vários fãs do sistema já começaram a se movimentar para produzir os seus próprios materiais para o cenário.

Com a proposta de apresentar um material completamente novo, que revele as particularidades e nuances de uma das maiores regiões em extensão territorial de Tormenta, nasce o livro digital fanmade, Grande Savana.

Idealizado e produzido por Guilherme Viana, ‘Grande Savana’ é um mini cenário feito de fã para fã que visa desenvolver uma região de Arton, até aqui, pouco explorada pelos autores do cenário.

Em Grande Savana, Tormenta ganha um ambiente totalmente novo para suas aventuras. Fugindo da ideia de uma sociedade simplesmente tribal, o autor Guilherme Viana aposta em uma sociedade mística intimamente ligada à referencias africanas reais, sim, mas que abraça a um certo avanço tecnológico por influência de grandes obras que se referenciam no afrofuturismo, como o filme Pantera Negra.

++Leia Mais:
– Tormenta 20 | Nova Ficha de Personagem Editável v2.0 (duas páginas)
– RPG baseado em ‘Avatar: O Último Mestre do Ar’ e ‘A Lenda de Korra’ será lançado

Grande-Savana-Tormenta-iga-igson-oliwiak

“Cada raça da savana tem sua própria forma de lidar com a magia.” Ilustração: Iga ‘Igson’ Oliwiak

Explorando a Savana

No livro conhecemos Kumbali, um reino-consulado fruto do árduo trabalho do seu atual Rei e antes guerreiro sagrado de Maedê (paladino de Valkaria), Chaka W’Tabi, que tem vem tentando unificar toda a savana sob uma única liderança. Além deste, temos a sombria cidadela de Tairobi e o sangrento território de Wameno.

Para além da apresentação do cenário, o livro traz novas raças, todas muito bem apresentadas e ilustradas, fortemente baseadas na cultura africana. Também temos uma nova classe aqui, o Idã, uma espécie de warlock, alguém que fez um pacto de lealdade com alguma entidade poderosa em troca de poder.

Vale ressaltar que, por se tratar de um trabalho de fã e sem fins lucrativos, as ilustrações usadas no livro não foram adquiridas para dar vida a obra. Todas, ou quase todas, as imagens usadas são devidamente creditadas aos seus devidos proprietários e usadas no manual apenas como forma de representar visualmente aquilo que o autor está buscando descrever. Eventualmente, em uma vindoura publicação do material como parte da Iniciativa T20, o livro deve ganhar artes próprias que casem mais com o estilo de artes do Tormenta20.

O livro termina suas páginas apresentando a visão dos povos da Grande Savana quanto ao panteão artoniano. E, fugindo de ser apenas uma reescrita de um conteúdo já existente, o texto adapta a percepção do povo em relação aos deuses, trazendo novas perspectivas para as divindades. Por exemplo, Thyatis, a fênix flamejante, deus da ressureição e das segundas chances, aqui é Unabi, um aracnídeo que “analisa a teia da vida e os destinos”, e seus devotos podem, durante o combate, fechar os olhos e, por 1PM, “seu corpo passa a prever o futuro próximo e você recebe um bônus de Defesa igual ao seu modificador de Sabedoria”. Simplesmente genial!

Não satisfeito com o seu trabalho, o autor Guilherme Viana já produziu seu primeiro suplemento para Grande Savana, o Guia de NPCs.

++Leia Mais:
– MultiGames | A primeira parte do nosso ‘Tutorial Roll20’ está no YouTube
– MultiGames | ‘Tutorial Roll20’, segundo episódio te ensina a usar Macros

Onde ler ‘Grande Savana’?

Se você gostou da ideia, faça o download grátis dos dois manuais da Grande Savana já lançados pelo Guilherme Viana abaixo:

Grande-Savana-Tormenta-Base

Clique na imagem para fazer o download

Grande-Savana-Tormenta-Guia-de-NPCs

Clique na imagem para fazer o download

Acompanhe o autor Guilherme Viana nas suas redes sociais: Facebook e Instagram.

E adquira o seu Tormenta20 no site da Jambô Editora: AQUI.


Acompanhe nossas redes sociais para mais novidades:
Facebook | InstagramTwitter | YouTube




Continue lendo

RPG

RPG de ‘The Dragon Prince’ vai iniciar seu período de playtest aberto ao público

The Dragon Prince, uma das melhores animações da Netflix, vai ganhar um RPG próprio e o seu playtest aberto começa agora em fevereiro.

Publicado há

em

Dragon-Prince-RPG-playtest-0

The Dragon Prince, animação de sucesso da Netflix, vi ganhar um RPG próprio, Tales of Xadia, e seu playtest aberto inicia dia 9 de fevereiro.

Com o peso de ser uma das melhores animações da Netflix, The Dragon Prince vai ganhar um RPG próprio em breve. Mas, ainda neste mês de fevereiro, você poderá se aventurar no mundo de Xadia.

O playtest aberto foi anunciado pela Fandom Tabletop, a desenvolvedora do jogo. De acordo com as informações, Tales of Xadia irá usar o sistema Cortex RPG, que também está sendo usado no vindouro Masters of the Universe: Legends of Grayskull Tabletop RPG (o “RPG do He-man”, de forma simplificada).

“Nosso objetivo com ‘Tales of Xadia’ é capturar com autenticidade a sensação única, o mundo expansivo e as apostas épicas de The Dragon Prince”, disse Adam Bradford, produtor executivo e vice-presidente da Fandom Tabletop. “Ao entrarmos na fase de teste público, estamos ansiosos para que os fãs vejam o jogo em ação, vivenciem uma história original emocionante e compartilhem seus comentários que nos ajudarão a finalizar o jogo para o lançamento ainda este ano.”

++Leia Mais:
– RPG baseado em ‘Avatar: O Último Mestre do Ar’ e ‘A Lenda de Korra’ será lançado
– RPG & Revistas, um caso de amor de mais de 20 anos

De acordo com a equipe de RPG do Fandom, o jogo se apoia em traços e arquétipos de personagens centrados na narrativa para focar nos relacionamentos que os jogadores desenvolvem em todo o reino – desde simples amizades a alianças políticas complexas – e se aprofunda no funcionamento mágico do mundo da série.

“Este jogo tem as mesmas ricas e épicas histórias de construção do mundo que os fãs da animação já conhecem”, disseram Aaron Ehasz e Justin Richmond, co-criadores da série da Netflix em um comunicado conjunto. “Mal podemos esperar para ouvir sobre as aventuras de vocês em Xádia.”

O playtest público de Tales of Xadia começa agora, dia 9 de fevereiro de 2021, e os jogadores interessados podem se inscrever para ter acesso antecipado a partir de hoje. A pretensão é que o jogo finalizado seja lançado ainda em 2021.


Acompanhe nossas redes sociais para mais novidades:
Facebook | InstagramTwitter | YouTube




Continue lendo

RPG

RPG baseado em ‘Avatar: O Último Mestre do Ar’ e ‘A Lenda de Korra’ será lançado

O universo de duas das mais famosas animações da Nickelodeon vai ganhar um RPG oficial. Prepare-se para dominar os elementos na sua mesa!

Publicado há

em

RPG-Avatar-Topo

O mundo dos dobradores de elementos das animações Avatar: O Último Mestre do Ar e A Lenda de Korra vai ganhar um RPG próprio oficial.

A Magpie Games anunciou o contrato de licenciamento conseguido com a ViacomCBS Consumer Products, detentora final dos direitos das animações, para a produção de um RPG de mesa ambientado no mundo das séries da Nickelodeon.

O CEO da Magpie Games, Mark Diaz Truman, falou sobre a animação com o projeto abraçado: “Estamos incrivelmente entusiasmados em trazer as histórias de dobradores corajosos e de amizades leais para as mesas de jogo de RPG; sabemos que há muitos fãs de ambas as séries que estão esperando há anos por este momento! Também estamos animados com a oportunidade de trabalhar com designers asiáticos como James Mendez Hodes para trazer o mundo do Avatar Aang e da Avatar Korra à vida de uma forma que seja fiel ao espírito autêntico e diversificado de ambos os programas.”

++Leia Mais:
– Avatar: The Rise of Kyoshi | Livro sobre a famosa Avatar da Terra está à caminho
– MultiGames | A primeira parte do nosso ‘Tutorial Roll20’ está no YouTube

A presidente da área de Produtos de Consumo Global da ViacomCBS, Pam Kaufman, ressaltou a credibilidade e confiança que levaram a Magpie Games a ser a empresa escolhida para levar o projeto adiante: “Acreditamos que a Magpie Games é o parceiro ideal para desenvolver um jogo de RPG baseado em ‘Avatar: O Último Mestre do Ar’ e ‘A Lenda de Korra’. Seu compromisso em oferecer suporte a diversos conteúdos de diversos criadores, juntamente com seus produtos excepcionais, os tornou a escolha certa para trazer o mundo do Avatar para as mesas de jogo de RPG.

O Livro Básico (originalmente chamado de Core Book) do RPG tem lançamento programado para fevereiro de 2022 e, além deste, já existem planos para o lançamento de mais dois livros de suplementos: Republic City, previsto para agosto de 2022, e The Spirit World, previsto para fevereiro de 2023.

De acordo com a nota da Magpie Games o contrato entre as empresas será de “vários anos”. Pelo ritmo das previsões, se tudo correr conforme planejado, provavelmente teremos muitos livros sobre o mundo dos Avatares.

Vale ressaltar que as informações de datas são referentes ao lançamento do jogo no mercado americano. Não há qualquer notícia de lançamento dos livros no Brasil.

RPG-Avatar-Korra

Sobre ‘Avatar’

Avatar: O Último Mestre do Ar é uma animação lançada em 2005 e conta com 3 temporadas, totalizando 61 episódios. A série conta a história de Aang, o jovem e último sobrevivente de sua ordem que desperta depois 112 anos de hibernação. Aang é o Avatar da sua geração, e está 112 anos atrasado em seus afazeres como tal.

Avatar: A Lenda de Korra é a animação que conta a história da Avatar subsequente a Aang, Korra. A animação foi lançada em 2012 e teve 4 temporadas, totalizando 52 episódios.

Ambas as animações são propriedades da Nickelodeon, empresa do grupo ViacomCBS Consumer Products.


Acompanhe nossas redes sociais para mais novidades:
Facebook | InstagramTwitter | YouTube




Continue lendo

MultiGames

MultiGames | A primeira parte do nosso ‘Tutorial Roll20’ está no YouTube

Confira o primeiro episódio do nosso Tutorial de Roll20, uma série de vídeos que vão ajudar você a extrair o melhor dessa ferramenta.

Publicado há

em

multiversos-multigames_tutorial-roll20

É com muita alegria que podemos dizer a vocês: o canal do Multiversos no YouTube está de volta a ativa!

Para esse vídeo de retorno convidamos o grande Mauro Juliani Jr., redator da revista digital Dragão de Jade e um dos reitores da Academia de Mestres (que para fazer parte é só clicar AQUI), para desvendar as principais funcionalidades do Roll20, esta ferramenta que tem ajudado muito aos RPGistas durante esse período de pandemia. E, para ficar ainda melhor, o tutorial será todo voltado ao nosso já amado Tormenta20, o maior RPG do Brasil!

Nesse primeiro episódio, teremos um guia completo sobre o uso de Tokens e Mapas no Roll20.

Essa série de tutoriais começa hoje, 29/01, às 15h lá no canal do Multiversos no YouTube. Vai lá, se inscreve e ativa o sininho de notificações para acompanhar junto com a gente o primeiro de muitos, muitos materiais que estamos preparando para vocês no nosso canal.

Nós pretendendo trazer muita coisa legal para vocês lá no nosso canal. E prometemos que tudo será feito com o maior empenho e dedicação possível, podem ter certeza.

Confira também a Parte 2 desse tutorial:
– MultiGames | ‘Tutorial Roll20’, segundo episódio te ensina a usar Macros

Roteiro e apresentação: Mauro Juliani Jr.

Edição: Damásio Neto

Direção Geral: Rafael Lima

Produção: Midivx Comunicação Digital e Multimídia

++Leia Mais:
– Tormenta 20 | Nova Ficha de Personagem em PDF Editável v2.0 (duas páginas)


Acompanhe nossas redes sociais para mais novidades:
Facebook | InstagramTwitter | YouTube




Continue lendo

Filmes

Chris Pine estrelará o longa de Dungeons & Dragons

Chris Pine irá estrelar o novo filme de Dungeons & Dragons da Paramount, dos escritores Jonathan Goldstein e John Francis Daley.

Publicado há

em

dungeons-dragons-chris-pine

Chris Pine vai estrelar o próximo filme Dungeons & Dragons da Paramount e Hasbro.

O longa de adaptação do RPG de maior sucesso no mundo terá Pine no papel principal, é o que revelou o The Hollywood Reporter. O filme será dirigido e escrito por Jonathan Goldstein e John Francis Daley, mais conhecidos por dirigir Game Night e escrever Homem-Aranha: De Volta ao Lar. Nenhum outro detalhe do enredo é conhecido no momento.

O mais antigo e popular RPG do mundo, que cativa jogadores há décadas, ganhará uma nova chance nas telonas depois que Dungeons & Dragons da New Line, de 2000, não conseguiu impressionar nem ao público nem aos críticos. Em 2015, a Warner Bros. garantiu os direitos do filme e anunciou uma mudança no sentido de adaptar o jogo, com Ansel Elgort (Baby Driver) sendo esperado para estrelar. O projeto acabou morrendo com a Paramount conquistando os direitos graças a um contrato de produção com a Hasbro.

++Leia Mais:
– Dungeons & Dragons | Filme ganha atualização de roteiro durante a quarentena
– Dungeons & Dragons | Filme ganha forte suporte com contratação de ex-executivo da Marvel

O novo filme será dirigido por Goldstein e Daley, que assumiram as funções de roteirista de Michael Gilio. Eles serão acompanhados pelo ex -produtor da Marvel Jeremy Latcham, que trocou o MCU pela eOne, braço de entretenimento de mídia da Hasbro. Latcham trabalhou anteriormente com os diretores como produtor em Homem-Aranha: De Volta ao Lar. Ele também produziu Os Vingadores, Guardiões da Galáxia e Os Vingadores: Era de Ultron para a Marvel Studios.

O nome de Pine cresceu consideravelmente ao longo dos anos, com trabalhos em filmes como a nova franquia Star Trek e a série Mulher-Maravilha da DC/Warner, bem como papéis mais dramáticos. Seu nome e familiaridade com os filmes de ação provavelmente o ajudaram a conseguir o papel que a Paramount e a Hasbro/eOne esperam que seja uma nova franquia épica. Pine estará em breve no cinema em Mulher-Maravilha em 1984.

++Leia Mais:
– Caverna do Dragão: Requiem | Roteiro original ganha excelente animação fanmade
– Principais notícias do Marvel Studios no Dia do Investidor da Disney

Dirigido e escrito por Jonathan Goldstein e John Francis Daley, Dungeons & Dragons com Chris Pine está programado para lançamento em 27 de maio de 2022.

Fonte: CBR


Acompanhe nossas redes sociais para mais novidades:
Facebook | Instagram | Twitter | YouTube



Continue lendo

Consoles | PC

Far Cry 6 é adiado devido ao Covid-19

Novo Far Cry, jogo de mundo aberto onde a missão do jogador é depor um tirano que domina um povo oprimido, está com dificuldades de lançamento.

Publicado há

em

Far-Cry-6-Adiado-Capa
Imagem de divulgação © Ubisoft

A Ubisoft usou suas redes sócias para informar que Far Cry 6, novo capítulo de uma das maiores franquias da casa, será adiado devido a pandemia de COVID-19 que assola o mundo.

Far Cry 6 foi anunciado em 12 de julho desse ano e tinha previsão de lançamento para 18 de fevereiro de 2021. Não foram divulgadas novas datas até o momento, deixando em aberto a janela de lançamento.

Confira a nota da Ubisoft sobre o adiamento do game:

++Leia Mais:
– Animus: Parte VI | Assassin’s Creed IV: Black Flag – O pirata que virou assassino
– Game Cyberpunk 2077 é adiado novamente

O jogo será lançado para as plataformas atuais (Xbox One e Playstation 4) e para a nova geração (Xbox Séries X/S e Playstation 5), que chega agora em novembro, e também será lançado para PCs e Google Stadia. O jogo conta com o ator Giancarlo Esposito, que é reconhecido por seu icônico papel como Gustavo “Gus” Fring em Breaking Bad, que será o vilão Anton Castilho, presidente de um país fictício do Caribe, que oprime seu povo e prepara seu filho para a sucessão.

far-cry-6-standard-edition-pack-01-en-ps4-ps5

Giancarlo Esposito, o Gustavo “Gus” Fring de Breaking Bad, como o novo vilão da franquia Far Cry.

Agora, resta saber quando a Ubisoft divulgará uma nova data. Porém, adiamentos de games têm sido comuns, devido ao mundo dos games estar tendo que se adaptar ao novo modelo de trabalho que a pandemia impõe à indústria. Vale ressaltar que as empresas desse segmento estão fazendo todos os ajustes para a segurança dos seus funcionários e que isso é comum no processo de adaptação. Apesar de tudo, Far Cry 6 segue sendo um jogo esperado que conta com uma base de fãs bem estabelecida.

Fazemos votos de que seja um breve adiamento e esperamos trazer a data do jogo o quanto antes aqui no Multiversos. Fique ligado nas nossas redes sociais para mais novidades.

Acompanhe a franquia Far Cry em seus outros games. Adquira os seus AQUI.


Acompanhe nossas redes sociais:
Facebook | InstagramTwitter | YouTube




Continue lendo

Consoles | PC

Animus: Parte VI | Assassin’s Creed IV: Black Flag – O pirata que virou assassino

Edward Kenway, o pirata-assassino de Assassin’s Creed IV: Black Flag, estrela o 6º game da franquia dos assassinos da Ubisoft.

Publicado há

em

Animus-assassins-creed-iv-black-flag
Imagem de divulgação © Ubisoft

Lançado em 29 de outubro de 2013 para Xbox 360, Playstation 3 e Wii-U e posteriormente para PCs, Xbox One e Playstation 4, Assassin’s Creed IV aposta na exploração naval como uma renovação da franquia que, depois de seis jogos principais, já começava a ficar repetitiva. Com a mecânica tendo sido apresentada anteriormente, em Assassin’s Creed III, aqui os desenvolvedores refinaram bem os pontos negativos do game anterior e conseguiram o feito de transformar os jogadores em legítimos piratas que desbravavam os mares, pilhavam e saqueavam a tudo e todos que viam pela frente.

++Acompanhe todos os artigos da série Animus:
– Animus: Parte   I  | A Jornada de Altaïr
– Animus: Parte  II | O início da caminhada de Ezio, o mais querido dos assassinos
– Animus: Parte III | Assassin’s Creed: Brotherhood, a sequência da aventura de Ezio
– Animus: Parte IV | Assassin’s Creed: Revelations, o fim da história de Ezio e Altaïr
– Animus: Parte  V  | Assassin’s Creed III, o sacrifício de Desmond

A história

Desmond está morto. Como visto anteriormente, em Assassin’s Creed III, ele se sacrifica para que a terra fosse salva da erupção solar que viria a destruir o planeta. Mesmo assim, a Abstergo (os Templários dos tempos atuais) rouba seu cadáver e, através dele, consegue extrair as memórias que estavam em seu DNA. Com isso em mente ela cria uma divisão de entretenimento, com o objetivo de reviver suas memórias e, assim, montar filmes com as memorias extraídas. Para isso eles criam uma nova versão do Animus, a versão Ômega, com memorias pré-instaladas. Assim, qualquer pessoa poderia acessar e reviver as memórias que estavam no DNA de Desmond e, dessa forma, começa a nova aventura.

Um analista de sistema chamado de pelos colegas de Noob é escolhido para acessar essas memorias.

Edward Kenway, um pirata britânico que está no meio de uma batalha naval contra um navio britânico, vê o capitão de seu navio ser morto por uma figura misteriosa pouco antes do seu navio explodir e acredita ser o único sobrevivente. O pirata consegue chegar a uma ilha próxima do local onde os navios afundaram e, logo em seguida ele vê que a figura misteriosa também conseguiu sobreviver: se trata de um membro do clã dos assassinos, seu nome é Duncan Walpole.

O falso assassino

Após uma luta contra Duncan, Edward mata o assassino e rouba seu manto, onde descobre uma carta do governador de Havana, Laureano de Torres, que era um Grão-Mestre Templário. Na carta, Laureano diz estar bastante feliz por Duncan estar abandonado os assassinos e se juntando a ele e sua ordem e que, apesar de nunca ter visto seu rosto, ele o reconheceria pelas suas roupas típicas de assassino, além de que também está feliz que ele aceitou vender o cristal que está em sua posse por uma grande quantia em dinheiro.

Edward então assume o lugar do assassino e decide ir atrás do dinheiro, porém ele precisa dar um jeito de sair da ilha primeiro e, ao explorar a ilha, vê alguns soldados britânicos atacando algumas pessoas que ele achava serem piratas. Edward então mata os soldados e os salva, ganhando assim uma forma de chegar ao seu destino: Havana.

Ao chegar em Havana, Edward parte em busca da casa de Laureano e encontra dois templários no local, Woodes Rogers e Julien Du Casse, que acreditam que ele é Duncan, devido às suas vestimentas, e o levam a presença de Laureano que os recebe de bom grado e, ao ver o cristal que Edward trouxe, o nomeia templário.

Depois disso, Laureano fala sobre um lugar que foi construído pela primeira civilização, o Observatório, que seria capaz de mostrar o que qualquer pessoa estava vendo através de uma pequena quantidade de sangue. Edward não se importa com nada daquilo, apenas quer usar os templários para que, assim, possa ficar rico. Ele, então, junto com os outros três templários, vão em busca de Bartholomew Roberts, conhecido como Sábio, que provavelmente sabe onde o Observatório fica. Porém eles são impedidos por um grupo de assassinos. Edward decide então achar sozinho o local e, após isso, vender a localização para quem pagasse mais. Os templários porém descobrem que ele não é Duncan, o capturam e o colocam no porão de um navio que rumava para Sevilha.

Gralha

Edward está preso em um navio ao lado do afrodescendente, Adéwalé, e decidem fazer uma aliança para, assim, conquistarem a liberdade. Eles então liberam vários prisioneiros do navio e o tomam para si. Assim, o pirata agora tem uma embarcação para chamar de sua, lhe dá o nome de Gralha e convida Adéwalé para ser seu imediato. Adéwalé aceita e, juntos, eles navegam até Nassau, onde Edward encontra alguns piratas conhecidos, são eles: Ed Thatch, Ben Hornigold e James Kidd.

Após algumas pilhagens e saques juntos, Thatch conta a Edward que, o governador da ilha Grande Inagua é Julien Du Casse. Edward então parte para a ilha e assassina o governador, afim de evitar que os outros templários saibam que ele teve êxito em tomar o navio em que era prisioneiro.

Agora Edward controlava a ilha e decidiu que ali seria seu quartel general e começou a fortificá-la. Passado algum tempo, ele foi visitado por Kidd, que disse ter descoberto algumas ruinas do povo Maia, e os dois decidem ir ao local. Nesse lugar Kidd ensina a Edward a usar a visão de águia. Depois disso Kidd deixa Edward e o diz para encontrá-lo em Tulum.

A busca

Ao chegar em Tulum, Edward vê várias pessoas com roupas parecidas com as das pessoas que frustraram o ataque templário a Bartholomew. Kidd então o leva a Ah Tabai, líder dos assassinos no caribe. Kidd explica a Edward a filosofia dos assassinos e o leva ao templo da ilha, onde eles veem um busto de uma estátua, a quem Edward diz ser idêntico a Bartholomew, confirmando assim aos assassinos que ele era o Sábio.

Ao retornarem do templo eles veem que soldados britânicos haviam feito vários assassinos de prisioneiros e, após um embate contra os soldados, todos os assassinos são libertados. Depois disso, Kidd dá a Edward uma lista de templários e diz que pagará a ele por cada templário abatido.

Edward então elimina alvo após alvo e, ao retornar a Nassau, ele descobre que Laureano estava lá com uma grande quantia em ouro e com informações que podiam ser uteis para localizar Bartholomew, e assim chegar ao Observatório. Ao interrogar o Grão-Mestre dos templários ele descobre que um traficante de escravos, Laurens Prins, havia capturado o Sábio.

Edward, então, parte atrás do traficante e descobre que Kidd estava prestes a matá-lo. Ele então impede seu companheiro e o põe a par da situação. Os dois concordam e, antes de matar Laurens, eles o interrogam para saber onde está Bartholomew. Nesse meio tempo Kidd revela a Edward que não é um homem e, sim, uma mulher de nome Mary Reed, e o ameaça, caso esse revele seu segredo. Eles conseguem matar Laurens, porém, sem sinal do sábio.

O Princess

Muito tempo se passou desde o início da busca pelo Observatório e não havia nem sinal de Bartholomew. Entretanto, depois de um bloqueio a Nassau, organizado pela marinha real sob o comando de Woodes Rogers, que agora governava as Bahamas, Thatch informa a Edward que ouviu falar que um homem chamado Bartholomew estava a bordo do navio conhecido como Princess. Poucas horas depois de passar a informação a Edward, Thatch é capturado pelos britânicos e morto.

Edward, então, parte em busca do navio onde o sábio estaria e é informado pelo seu imediato, Adéwalé, que o Princess em breve chegaria a Kingston, onde o grão-mestre Laureano o aguardava juntamente com Hornigold, que havia se juntado a causa dos templários. Hornigold já havia enviado um de seus navios para interceptar o Princess.

Sabendo disso, Edward vai ao encontro do navio. Ao localizá-lo, encontra a tripulação em parte morta e a outra capturada pelos companheiros de Hornigold, porém ele localiza Bartholomew escondido em um acampamento próximo de onde o Princess estava. Eles então acordam que Edward deveria matar os templários e libertar a tripulação de Bartholomew e que, assim, ele o levaria ao Observatório.

O Observatório

O pirata cumpre sua parte de acordo e eles partem para a Península de Yucatán. Ao chegarem ao local eles descobrem que Hornigold havia os seguido, o que força Edward a um embate contra ele, e o pirata é o vencedor. Edward, então, se junta a Bartholomew e eles entram no Observatório.

Bartholomew explica para Edward que a finalidade daquele lugar é projetar o alvo através de uma localização feita pelo DNA. Ele então insere um cristal igual àquele que Edward vendeu para Laureano, contendo o sangue de Woodes Rogers, em uma Caveira de Cristal. Ao inserir o cristal na caveira os dois veem que o templário está com o grão-mestre discutindo sobre a localização do Observatório.

O pirata então percebe que o real motivo dos templários estarem tão interessados no Observatório: dali eles poderiam espionar e chantagear qualquer pessoa em qualquer lugar do mundo, e isso teria um grande poder sobre os governos de todo o mundo. Nesse momento, Bartholomew apunha-la Edward, pega a Caveira e o tranca no local. Edward consegue fugir, mas é capturado pelo sábio ao chegar à praia, e este decide entregá-lo aos britânicos em troca da recompensa pelo pirata.

Edward, agora preso, testemunha várias sentenças de companheiros piratas. Os templários então oferecem a liberdade a ele, caso ele informe a localização do Observatório, porem ele recusa essa oferta.

Algum tempo depois, o líder dos assassinos, Ah Tabai, invade o local e liberta o pirata e mais alguns aliados. Ele então devolve o manto de assassino ao pirata, e ele passa por um período em depressão, onde é assombrado por fantasmas do seu passado e passa seus dias bebendo ou de ressaca.

Um verdadeiro assassino

Certo dia ele acorda no porto de Kingston e dá de cara com Adéwalé, que o devolve o seu navio e diz que vai se juntar a causa dos assassinos. Adéwalé diz que está em busca de objetivo para sua vida e que o pirata é uma pessoa muito mesquinha que só pensa em dinheiro. Edward concorda com seu antigo imediato e pede uma nova chance a Ah Tabai de recuperar sua honra e se tornar um autêntico assassino. Nesse momento forças templárias invadem o local e são repelidas por Edward, junto com Adéwalé e Ah Tabai, que decidem eliminar os chefes templários e o sábio.

O agora verdadeiramente assassino, Edward Kenway, se infiltra em uma festa de Woodes Rogers e o mata, conseguindo assim a localização do Princess, e assim ele vai em busca de Bartholomew, e o localiza nos mares africanos. Os dois então travam uma grande batalha onde Edward sai vitorioso. O sábio então fala ao assassino que se arrepende do que fez e pede a ele que queime seu corpo, para que os templários não se apossem dele.

Usando a Caveira

Edward então retira a Caveira de Cristal do corpo de Bartholomew e, de posse dela, decide ir atrás do Grão-Mestre Templário e pôr um fim em tudo. Para isso ele faz uso da Caveira, usando o sangue de Laureano que estava em posse do Sábio. Edward então observa todos os passos do templário, que estava buscando entrar no Observatório. Ao matá-lo, o assassino sente que conseguiu reparar seus erros e então coloca a Caveira no seu lugar de origem e sela o local.

Ah Tabai pede que Edward o ajude a localizar todos os cristais usados para coletar o sangue das pessoas, afim de serem usados no Observatório. O assassino aceita, porém diz que, primeiro, pretende voltar a Inglaterra para consertar seu relacionamento com sua esposa Caroline, que ele havia abandonado para entrar na vida de pirata. Nessa hora o líder assassino entrega ele uma carta que informava que sua esposa estava morta e que ele tinha uma filha, Jennifer Scott.

Edward então vai a Londres, em busca de sua filha, onde conhece Robert Walpole, primo de Duncan que foi morto por Edward no começo da jornada. Ele agradece ao assassino por ter matado seu primo que havia desonrado sua família, e o incorpora no ordem britânica da irmandade dos assassinos. Pouco tempo depois Edward viria o conhecer sua segunda esposa, Tessa, que viria a dar à luz a Haytham Kenway. E assim termina a história de Edward Kenway.

Epílogo

Retornamos ao presente onde Noob tinha sido contatado por John, um dos gerentes de tecnologia da Abstergo, que o convence que a empresa tem outros objetivos além do que ele sabe e do que foi contratado para fazer. Ele então consegue que Noob acesse o núcleo central do Animus e, nesse momento, Juno aparece em forma de holograma e diz que, apesar de estar solta pela Terra, ainda está muito fraca para atingir seus objetivos, ela então desaparece.

Noob descobre que John é, na verdade, a encarnação de Bartholomew, o Sábio, que também revela ser o marido de Juno. Ela havia feito um experimento de manipulação de DNA para que o seu marido conseguisse renascer como uma cópia com todas as suas memorias e personalidades anteriores para, assim, ajudar Juno a conseguir seus objetivos. Juno revela ainda que ele já havia renascido sete vezes no decorrer da história da humanidade, e que, ao instigar Noob a entrar em contato com Juno, seu objetivo era que ele fosse possuído por Juno, o que não aconteceu.

Furioso John tenta matar Noob com uma injeção letal, porem ele acaba sendo morto pelos seguranças da Abstergo, que agora possuíam o corpo de um Sábio e, assim, teriam acesso as memorias contidas em seu DNA. Após isso, Noob, que passava informações aos assassinos através de Rebecca e Shaun, os deixa a par do ocorrido e eles o pedem que ele continue passando informações de dentro da Abstergo, e que eles farão valer a pena. Assim termina a história de Noob.

Público e Crítica

Assassin’s Creed IV: Black Flag foi muito bem recebido pela mídia especializada e teve uma nota 88/100 no Metacritic e foi muito elogiado pelas suas missões secundarias os gráficos e sobretudo o combate naval a grande atração do jogo e pouco depois do seu lançamento chegou a ficar em segundo lugar entre os jogos preferidos da franquia, o jogo vendeu muito bem e mostrou que a franquia conseguia se reinventar e trazer novidades bem agradáveis para motivar os fãs e o ano seguinte traria não apenas um mais dois jogos da franquia e um deles seria exclusivo da próxima geração de consoles o Xbox One e o Playstation 4 mais isso já é assunto para outra hora.

A série Assassin’s Creed ganhará, em 10 de novembro, o seu 12º game da franquia: ‘Assassin’s Creed: Valhalla’. Acompanhe Assassin’s Creed IV: Black Flag e os demais jogos da franquia em games ou livros. Adquira os seus AQUI.


Acompanhe nossas redes sociais para mais novidades:
Facebook | InstagramTwitter | YouTube




Continue lendo

Consoles | PC

Game Cyberpunk 2077 é adiado novamente

O game Cyberpunk 2077, da desenvolvedora CD PROJEKT RED, passa pelo quarto adiamento de lançamento apenas este ano.

Publicado há

em

Imagem de divulgação.

O jogo Cyberpunk 2077 foi adiado novamente, de acordo com nota da sua empresa de desenvolvimento.

A CD PROJEKT RED, desenvolvedora da série The Witcher, anunciou hoje por meio das suas redes sócias que o seu novo jogo, Cyberpunk 2077, vai ser adiado novamente. Dessa vez por 21 dias, ficando a data de lançamento para 10 de dezembro de 2020.

A desenvolvedora alega que lançar o jogo para as plataformas atuais (Xbox One, Playstation 4), para os PCs e para as plataformas que vão chegar agora em novembro (Xbox Séries X/S e Playstation 5) requer um grande esforço e vários testes.

Confira a nota oficial abaixo:

Só este ano o jogo já passou por 3 adiamentos. Originalmente o jogo seria lançado inicialmente em abril, depois setembro e então novembro. Agora, o jogo fica com lançamento previsto para o mês de dezembro. Mesmo assim o jogo segue como uma grande aposta de um dos melhores games do ano.

Vamos torcer que esse seja o último adiamento.

++Leia Mais:
– Moon Knight | Oscar Isaac está em negociações para estrelar a série do Disney+
– Assassin’s Creed ganhará série na Netflix


Acompanhe nossas redes sociais para maiores novidades:
Facebook | Instagram | Twitter | YouTube



Continue lendo

Top do Ano