RPG | Interpretando... os Magos - Multiversos
Siga-nos nas redes sociais
Interpretando-Magos-RPG Interpretando-Magos-RPG

RPG

RPG | Interpretando… os Magos

Em dúvida de como será a persona do seu Mago? Aqui vão algumas ideias para você incrementar a interpretação do seu conjurador arcano em jogo.

Felipe Seghetto

Publicado há

em

“Como interpretar um mago eficaz? Abra seu grimório na página 394 e venha comigo.”

Magia sempre foi muito difundida nos RPGs, principalmente em seu início. Quando Dungeons & Dragons surgiu, uma de suas classes iniciais era justamente a do mago, o ser culto que usa seu conhecimento para driblar as leis da natureza. E grande parte dos sistemas e cenários que surgiram depois trataram de incluí-lo como parte importante de sua concepção. Existem, inclusive, RPGs voltados justamente para eles como protagonistas.

“Os PV são de papel, mas tem muita mana!”

 – Um jogador justificando sua ficha de personagem.

Estudiosos, inteligentes e cheios de poder, a figura do mago sempre esteve muito presente nas mesas de jogo, seja por seu conhecimento infindável ou simplesmente por sua bola de fogo com muito dano! Geralmente está representado pelo velhinho de longas barbas brancas, com pouco vigor físico mas uma mente brilhante. É possível citar vários que demonstram o poder por trás dessa descrição: Merlin, Gandalf, Saruman, Alvo Dumbledore, Nick Snowbeard…

Como já disse em um dos textos, o poder muitas vezes vêm acompanhado da idade avançada e do corpo frágil. Mas essa “regra” vem sido burlada nos últimos tempos. Magos mais jovens estão tomando forma em séries como Merlin (da BBC), The Magicians (da Syfy) e Shadowhunters (da Netflix) – embora nesse último caso possamos considerar os séculos de idade aliados à eterna juventude – para não citar as séries de livros Harry Potter (de J.K. Rowling) e Trilogia do Mago Negro (de Trudi Canavan) ou conjuradores dos quadrinhos como Zatanna (da DC Comics) e Wiccano (da Marvel). Aproveito aqui para fazer um pedido: recomendem séries, livros e filmes sobre magos (os contatos estão logo ali no meu perfil), vou adorar receber indicações!

Magos são, antes de tudo, estudiosos.

Muitos não se importam com a diferença entre um mago e um feiticeiro, mas ela existe, pelo menos nos RPGs mais conhecidos. De modo bem simples, magos retiram seu poder através do estudo enquanto os feiticeiros nascem com ele. Em Dragões de Titânia, de Renato Rodrigues, os personagens Khosta e Chester sentem um pouco de inveja da feitiçaria élfica por vir tão facilmente, enquanto eles têm de se esforçar para lançar o mais simples encanto. O caminho do mago não é fácil. Ele é árduo, disciplinado, cheio de fórmulas complexas. Uma verdadeira ciência.

“Se podemos alterar as leis dos homens, por que seria diferente com as leis do universo?”

– Típico ditado entre os magos

Sua magia vem sempre acompanhada de uma grande carga teórica. Grimórios a serem decifrados, pergaminhos antigos a serem resgatados, gestos precisos a serem aprendidos e fórmulas a serem cuidadosamente pronunciadas. A magia de um mago é metódica. Mas nem sempre sua personalidade é assim.

De abjuradores a transmutadores, passando por todo o espectro entre eles, os magos variam incrivelmente com sua personalidade quanto com sua seleção de magias. Interpretar um mago é muito mais que escolher que magias conjurar, ter ou não uma especialização e que cor de robe adotar. Tem a ver com a própria visão das artes arcanas e seus usuários, com a visão de um mundo regido por leis feitas para serem aprendidas e cuidadosamente alteradas.

O ofício arcano envolve um gasto enorme com penas e tinta.

Enquanto para eles as artes arcanas são vistas como ciências, a maneira de encará-las muda de um para outro. Os velhos e sábios catedráticos podem vê-las como uma ferramenta à disposição de qualquer um inteligente o suficiente para entender seus princípios. Os jovens impulsivos, uma arte sutil que os permite mudar o mundo. Há aqueles que a veem como um poder a ser ensinado a todos e outros que as colocam como algo apenas para os merecedores. Interpretar um mago pode ser desafiador. Como a conjuração é sua principal característica, ela acaba se tornando o cerne da interpretação. A dica é fazer ao seu personagem as grandes perguntas e usar as respostas para nortear sua desenvoltura na mesa: O que é a magia? Quem pode usá-la? Qual sua principal função?

Existem, no entanto, elementos muito particulares dos magos. Por dependerem do estudo para conjurar, são grandes eruditos, mesmo que não aparentem ser. Sua inteligência é acima do normal, sempre prontos para pensar fora da caixa. Seja os de pensamento rápido ou os de grande reflexão, um mago sempre tem uma opinião a respeito de tudo, geralmente acompanhado da curiosidade de saber como tudo funciona e qual sua aplicação. Resolver um enigma é extremamente prazeroso para eles, assim como desvendar segredos. Não precisam ser os grandes defensores do conhecimento, nem alardear sua educação diferenciada aos quatro ventos (embora muitos o façam), mas há um prazer genuíno em resolver qualquer problema com a inteligência antes de aplicar a magia. É prazeroso usar uma Bola de Fogo ou Modificar Memória, mas é mais prazeroso ainda depois de um bom exercício mental.

Nada é melhor que um grimório com várias opções de magias!

Como um mago prepara as magias (ao menos na maioria dos sistemas baseados no querido D20 e na licença OGL), sua escolha a cada dia é vital para ele. Muitos jogadores encontram o dilema de memorizar as magias de cada dia, escolhendo quais podem ser úteis e quais podem ser dispensadas. Não só devem garantir a sobrevivência do mago e de seu grupo, mas também devem ter coerência com a interpretação do personagem. Não faria sentido, por exemplo, um adivinho ter mais magias de ataque que adivinhações, por exemplo.

Cada tipo de mago, de generalistas a especialistas, acaba encontrando seu nicho na grande gama de interpretações da classe. A narratologia (o estudo das narrativas), pegou emprestadas algumas ideias da psicologia e da filosofia, concedendo a esses nichos o nome de arquétipos, ou seja, o conceito de cada personagem. Arquétipos são a primeira impressão sobre um personagem e sua função dentro da trama.

Talvez o arquétipo mais comum de um mago seja o acadêmico, sempre repleto de livros, penas e pergaminhos, com respostas para tudo. Bons exemplos são Alice Quinn, de The Magicians, e Hermione Granger, de Harry Potter. Interpretar um mago acadêmico talvez seja o mais comum nas mesas de jogo. Mas se engana quem pensa que é só falar um monte de palavras difíceis numa conversa casual. O mago acadêmico tem toda uma filosofia envolvida.

Dedicados a acumular mais e mais conhecimento, esses escolásticos vão além da sede de saber dos outros magos. Para eles, é uma paixão e uma necessidade. Normalmente são treinados em bibliotecas e academias, sempre procurando o maior centro urbano possível, com os melhores acervos. Tendem a ter muitas ideias que funcionam muito bem na teoria, mas não são facilmente executadas.

A interpretação do acadêmico geralmente é a do mago que pensa demais nos problemas, analisando sem fim uma situação até que se veja com tantas hipóteses e ideias que uma solução útil demore a surgir. No entanto, também pode vir numa outra via muito interessante: usam seu conhecimento acadêmico para vir com soluções práticas, ainda que não muito conhecidas. Muitas vezes, encontram na vida de aventuras a oportunidade de provar suas próprias teorias a respeito do funcionamento da magia. De qualquer forma, a teoria sempre vem antes da prática em qualquer situação. Adivinhos, abjuradores e necromantes estão entre os especialistas mais comuns desse arquétipo.

“Preciso ir à biblioteca!”

 – A maga mais inteligente de sua idade ao descobrir um mistério.

Outras duas figuras comuns para o mago é a do alquimista e do artífice, como Rhunön, do Ciclo da Herança, e mestre Kilvin, das Crônicas do Matador de Reis. A arte da alquimia e da artificiaria volta sua magia não para a simples conjuração, mas para a fabricação de poções, elixires, soros, itens encantados e armas mágicas. Apesar do custo para a produção desses itens, os magos que se dedicam a esta área se veem colhendo os frutos do trabalho em pouco tempo. Resumindo: fazer poções e fabricar espadas mágicas pode dar muito dinheiro!

São os equivalentes fantásticos dos cientistas e encontram companhia dos acadêmicos. No entanto, são mais preocupados em provar suas hipóteses que somente em formulá-las. Para eles, o conhecimento deve ter uma função prática, não simplesmente teórica. São analíticos, voltados para a aplicação do método científico (bem a gosto de Descartes). Os alquimistas e artífices se orgulham de seu trabalho e seus laboratórios, sempre prontos para se vangloriar de ter a poção ou ferramenta certa na hora certa.

Interpretar um alquimista ou um artífice nem sempre é fácil. Não basta carregar dúzias de frascos e caixas de ferramentas, é preciso ter um genuíno interesse sobre o funcionamento do mundo. Abrir mecanismos e ver como funcionam, estudar diagramas mágicos, testar a interação entre os reagentes, fabricar itens sem o uso de magia… Essas artes são intimamente ligadas à vida sem magia tanto quanto são ligadas a ela. Para um alquimista, o que se encontra diante dele deve ser explicado primeiramente sem a magia para só então ela ser colocada na equação. Os especialistas mais comuns na área são adivinhos e transmutadores.

O anão quer dez mil frascos!

– Um alquimista animado com uma nova encomenda.

Enquanto os arquétipos anteriores concentram suas mentes em ficar trancados em laboratórios e bibliotecas, existe um tipo de mago que prefere sair desses ambientes embolorados e usar a magia como uma ferramenta para sua conquista. É o mago de guerra, como mestre Yikmo, da Trilogia do Mago Negro, e Edauros, em O Terceiro Deus.

Comum entre abjuradores, evocadores e invocadores, o mago de guerra prefere aplicar sua magia com um objetivo claro e prático: mudar a maré da batalha. Geralmente aprendem as artes mágicas com um mago veterano que prefere ensiná-lo a conjurar corretamente, sem tempo para discutir teorias ou implicações. Isso não significa, no entanto, que o mago de guerra seja burro. Muito pelo contrário, possuem um vasto conhecimento de táticas militares, estratégias, magia arcana e duelos mágicos. Só não possuem a necessidade de ficar afirmando isso. Podem conhecer as consequências de magia residual tão bem quanto um acadêmico, mas não possuem a mesma paixão.

São extremamente práticos, geralmente levando vidas mais simples e ocupando seu tempo com novas maneiras de fazer um inimigo sangrar! Possuem pouca paciência com pessoas que pensam demais, sem um objetivo claro ou que preferem gastar horas negociando com inimigos. Não perdem tempo com Enfeitiçar Pessoa, preferindo uma Bola de Fogo bem conjurada. Geralmente se dão muito bem com personagens combatentes, com quem compartilham a mentalidade clara do combate.

Sai da minha frente!

– Um mago de guerra tirando um diplomata de seu caminho antes de explodir o inimigo.

Longe dos livros poeirentos e do sangrento front, alguns magos preferem se dedicar ao divertimento, seja por opção ou por falta de oportunidade. Rufus, em O Inimigo do Mundo, é um exemplo muito claro disso (claro, antes de tudo acontecer). Formado principalmente por ilusionistas, encantadores e transmutadores, os entretenedores encontram seu lugar tirando o tédio das pessoas ao seu redor, vendo a si mesmos como verdadeiros artistas em meio aos catedráticos da magia.

Amantes das artes performáticas, são verdadeiramente felizes em usar a magia. Não importa que esteja acontecendo um debate entre dois grandes teóricos sobre o método correto de conjurar Esfera Resiliente, o mais importante é fazer a plateia sorrir. Usam não apenas a magia, mas também truques de prestidigitação, música e oratória. Unem magia e habilidades mundanas para conquistar seus espectadores. Quando adivinhos se tornam entretenedores, pode estar preparado para receber uma consulta das cartas ou da bola de cristal.

Muitos iniciaram seus estudos em salas de aula, mas as abandonaram em prol das luzes da ribalta. Nesse ponto, são muito parecidos com os bardos. Vivem para seu público. Um típico entrenedor sabe onde está a melhor bebida da cidade, qual vizinhança se deve evitar e onde se hospedar sem medo de pulgas. Sua inteligência não está voltada aos livros e seus grimórios contém não só os segredos de suas magias, mas as anotações de como usá-las no lugar mais sagrado de todos: o palco.

“Começamos em cinco minutos!”

– Um assistente notificando um entretenedor de sua apresentação.

Existe ainda um arquétipo menos explorado, talvez por sua história de dificuldades. Longe dos laboratórios, das salas de aula, dos exércitos e dos palcos, a ralé luta para obter cada pergaminho. Seja pela falta de um mestre ou uma boa escola, seja por falta de recursos, um mago ralé valoriza cada pequena magia em que consegue pôr as mãos.

Batalham dia e noite para conjurar, no método de tentativa e erro, formando uma cadeia lógica e anotando sem parar. Vivem para o perigo de experimentar um feitiço, com o medo de que um dia ele acabe dando errado. Trianna, de Ciclo da Herança, e Julia Wicker, de The Magicians são exemplos disso: talentosas, mas sem o treinamento formal, cheias de vontade de aprender, mas sem os recursos necessários para isso. Possuem a manha das ruas, a malandragem de cada dia, pouco comuns nos catedráticos, mas necessários para se livrar dos perigos das ruas, onde buscam seus segredos.

Interpretar um mago ralé é colocar um alto valor em cada magia que conquista e fazer de tudo para aprender um novo segredo. Qualquer outro conjurador perde para sua imensa curiosidade a respeito daquilo que não possuem. São curiosos e valorizam muito o pouco que têm. Muitos são engajados em algum tipo de causa igualitária para a educação mágica, enquanto outros são egoístas e apenas se importam com a própria escalada rumo à fama na comunidade arcana. De toda forma, não ficam de forma alguma indiferentes aos demais conjuradores.

“Por que uns têm mais e outros têm menos?”

 – Um mago ralé questionando a educação mágica em seu reino.

Obviamente, nenhum mago é igual a outro, mesmo que possuam o mesmo arquétipo. A maioria pode se encaixar em um único arquétipo, outros personagens podem misturar dois ou mais. Alguns fogem de todos eles, num conceito de personagem diferente dos lugares comuns. Os arquétipos são guias para a interpretação de um mago, não celas fechadas para conter o personagem.

Nem só de gestos vive a magia, mas de toda palavra que sai da boca do mago.

A interpretação, claro, não está restrita à personalidade e história do mago. Alguns elementos interessantes a se pensar quando interpreta um mago é a maneira de falar (um mago ralé tem uma fala muito menos rebuscada que um acadêmico, por exemplo), o gestual de suas magias (magos de guerra são mais diretos e rígidos, quase militares, em comparação com entretenedores) e até as palavras mágicas (um alquimista pode falar em termos científicos, por exemplo). Um bom mestre sabe reconhecer quando um jogador entra num personagem.

Trejeitos de voz, entonação, escolha de palavras, gestos, fórmulas e manias ajudam a dar vida ao personagem mago. Do sereno sábio ao nerd atrapalhado, existe muito a se explorar, uma verdadeira imensidão de possibilidades. Cabe ao jogador se manter coerente com seu personagem. Não adianta vender a imagem de um encantador gentil e alegre e no momento do jogo se irritar a cada cinco minutos, não?

Em tempos de personagens combados feitos para serem invencíveis, o simples é muitas vezes mais interpretativo. Seleção de talentos, magias certas, itens específicos, nada disso, no fim das contas, vai importar. O que os jogadores e mestres se lembram é daquela frase marcante no momento certo, das risadas que deram juntos, da tristeza de uma total party kill. Ninguém vai lembrar que você tinha o talento Magia Duradoura, mas vai lembrar que você parou a batalha contra um ogro pra rabiscar diagramas num papel!

RPG é interpretação, a mecânica depois se ajeita!


Acompanhe nossas redes sociais para mais notícias:
Facebook | Instagram | YouTube | Twitter



RPG

RPG & Revistas, um caso de amor de mais de 20 anos

Elas são uma das, senão AS, maiores responsáveis pela difusão do RPG aos 4 cantos do Brasil. Elas mesmas, as Revistas de RPG!

Cleyton Souza

Publicado há

em

Revistas-de-RPG-Dragão-Brasil-Forbidden-NOM

No final dos anos 80, o Brasil começava a dar seus primeiros passos no mercado de RPG, quando apareceram nas livrarias as primeiras edições de alguns livros como, por exemplo, Dungeon and Dragons. Mas, só nos anos 90 foi que o mercado passou a olhar com bons olhos para esse hobby que amamos tanto. Foi aí que se deu o surgimento de vários materiais como: jogos de tabuleiros, livros-jogos e até sistemas nacionais começaram a ser publicados. Porém, quero dar um destaque em espacial a elas, as revistas! Isso mesmo: revistas.

Como tudo começou

As revistas tiveram um papel muito importante na difusão do cenário de RPG aqui no país pois, como o acesso a informações não era tão intenso nessa época, cabiam as revistas suprir essa carência do público.

Em suas páginas os leitores encontravam de tudo: aventuras prontas, cenários, personagens, contos, explicações sobre as regras, sistemas e até eventos eram marcados com a ideia de juntar jogadores. Desse período podemos citar algumas como: a revista Dragon publicada pela Editora Abril, sendo uma versão brasileira da Dragon Magazine Archive; a The Universe of RPG pela Editora Ediouro; a Saga pela Editora Escala; mas, a que mais se destacou foi a Dragão Brasil, na época ainda pela Editora Trama, com suas primeiras edições também se chamando Dragon e mudando o nome oficialmente apenas em sua terceira edição.

++Leia Mais:
– Animus: Parte IV | Assassin’s Creed: Revelations, o fim da história de Ezio e Altaïr
– WandaVision | Rumor sugere introdução dos X-men ao MCU

A revista Dragão Brasil, foi ganhando destaque em suas publicações mensais e edições especiais, assim como em seus subprodutos, como a revista Só Aventuras. Quando a Dragão Brasil chegou em sua 50ª edição, junto dela, foi publicada uma edição especial: ‘Tormenta: Um Novo Mundo de Aventuras’. O sucesso foi tão grande que isso gerou várias outras edições especiais, bem como uma revista focada apenas nesse novo cenário (chamada, claro, Revista Tormenta), dando aos editores, Marcelo Cassaro, Rogério Saladino e JM Trevisan, a alcunha de “Trio Tormenta”. Assim, a Dragão Brasil se tornava referência nacional em RPG, pois carregava junto ao seu nome, as revistas Só Aventuras, Tormenta e várias edições Dragão Brasil Especial, como a Defensores de Tóquio.

O fim de uma era

Com a chegada dos anos 2000, o boom da tecnologia e informação trouxeram grandes novidades, então, nos anos seguintes, sites, fóruns e chats que traziam a temática RPG passaram a existir.

A Dragão Brasil, que nesse momento era uma revista consolidada no segmento, passou a ter alguns problemas com a linha editorial que a revista tomou, o que fez com que muitos leitores começassem a buscar outras formas de ter acesso a esse tipo de conteúdo, fazendo com que as vendas caíssem.

Em 2005, o “Trio Tormenta” sai da Editora Talismã, novo nome da editora Trama, deixando a revista Dragão Brasil, após 111 edições. A revista, em seguida, vai parar nas mãos da equipe do site Rede RPG. Com isso o mercado de renova e nascem novas publicações: surge, então, a RPG Master, da Mythos Editora, encabeçada por Marcelo Cassaro. Mas a revista não dura muito tempo e, logo em seguida, seu editor acaba iniciando a Dragon Slayer, da Editora Mantícora, juntamente com seus outros dois amigos de Trio, JM Trevisan e Rogério Saladino, e com parte da equipe da recém extinta D20 Saga, uma revista de publicação bimestral de altíssima qualidade, focada exclusivamente no Sistema D20. A D20 Saga havia durado apenas 7 edições.

++Leia Mais:
– Tormenta 20 | Nova Ficha de Personagem Editável v2.0 (duas páginas)
– Caverna do Dragão: Requiem | Roteiro original ganha excelente animação fanmade

Sem um direcionamento muito claro e agora com novos concorrentes, em 2008, a revista Dragão Brasil é cancelada após a edição 123, tendo seu público tomado pela Dragon Slayer, uma revista bimestral, inicialmente focada no sistema D20, que agora se tornava a única revista impressa dedicada ao RPG no país.

No anos seguintes, a Dragon Slayer passou a ser e publicada pela Editora Escala e produzida pela Jambô Editora, agora responsável por publicar os títulos de Tormenta e 3D&T, logo incorporando esses temas às edições da revista. Mas, como já dito antes, com o avanço da tecnologia e, principalmente, a facilidade de acesso à internet, em 2013, por questões de orçamento, a revista Dragon Slayer é cancelada. A partir daí o material passaria a ser publicado diretamente no site oficial da Jambô.

Com isso, você deve estar pensando: “E foi assim que as revistas de RPG chegaram ao fim?”, e eu respondo: “Não!”. Em 2016, a Jambô Editora anunciou a volta da revista Dragão Brasil em formato digital, através de financiamento coletivo recorrente.

A era digital

A nova Dragão Brasil renasce por aclamação do público, através do que deveria ser apenas uma brincadeira do seu futuro editor, JM Trevisan. Depois de um comentário de Marcelo Cassaro, quanto ao fato de a fonte utilizada no logotipo da série Stranger Things ser a mesma utilizada na logotipia da antiga Dragão Brasil, Trevisan faz uma brincadeira e monta a capa de uma suposta edição da DB sobre a série.

Apenas uma brincadeira para ele, mas não para o público.

Capa-Dragão-Brasil-112

Seriam os poderes da Eleven os reais responsáveis pelo retorno da Dragão Brasil?

A capa gerou um burburinho, que acabou gerando a edição 112, digital e gratuita, de 11 páginas em preto e branco. O suficiente para fazer os saudosistas amantes da DB, sempre sedentos por conteúdo sobre RPG, incentivarem a editora a iniciar um financiamento coletivo para uma revista mensal.

A Dragão Brasil, agora em novo formato, passou a ser distribuída digitalmente com a proposta de trazer aos seus leitores tudo aquilo que nós já estávamos acostumados: materiais exclusivos, aventuras prontas, mapas, personagens, quadrinhos e muito mais. Resgatando mais de 20 anos de tradição para a cultura nacional de RPG.

Buscando justamente esse resgate às origens, os editores originais da DB ignoraram as 12 edições editadas pelas equipes seguintes e retomaram sua numeração a partir do número 112, como citado acima. A Dragão Brasil é, então, a primeira (na versão impressa) e a segunda (em sua versão digital) mais longeva publicação periódica de RPG no Brasil.

++Leia Mais:
– Relançamento de HeroQuest foi financiado com sucesso!
– Conan, o Bárbaro, pode ganhar série na Netflix

Mas, engana-se você se está pensando que a Dragão Brasil é a única publicação que aderiu a esse novo momento. Outras empresas como a Buró Brasil, antiga Redbox, e a New Order passaram a publicar seus materiais exclusivos também em revistas digitais. Todas podendo ser adquiridas via financiamento coletivo recorrente.

Revistas-RPG-nom-31-300x395

A New Order Magazine, a revista da Editora New Order, começou a ser publicada em 2017 e já está em seu terceiro ano. Até a sua edição de número 23 a revista chamava-se de NOW (New Order Warriors) e possuía pouco mais de 50 páginas. Ali eram apresentados vários assuntos, desde conteúdos para a sua linha de produtos como: 13ª Era, Shadowrun, Pathfinder, e outros; bem como abordava assuntos mais amplos como “RPG E EDUCAÇÃO – Uma visão educacional da aplicação do RPG em atividades escolares”.

Agora, em suas edições mais recentes, a revista assumiu o nome NOM e conta com uma média de 80 páginas mensais, contendo notícias importantes do mercado de RPG, coberturas de eventos, novas regras, previews de produtos, expansão de cenários, entrevistas, contos e aventuras prontas para os principais jogos, da própria editora, ou não. Seus três primeiros exemplares estão disponíveis gratuitamente no site da editora AQUI.

Revistas-RPG-Forbidden

Já a Forbidden, produzida pela Buró Brasil, é a mais recente dentre as revistas digitais. Com apenas quatro edições lançadas, a revista tem seu foco um pouco mais voltado para o RPG Old School, seguindo a filosofia do RPG Old Dragon. Nela, você encontrará matérias com aventuras, encontros aleatórios, itens mágicos, novas especializações, guias e conselhos para mestres e jogadores, campanhas vivas, humor, entre outras coisas. A maioria das matérias terão maior foco na imaginação do que nas mecânicas, assim a Forbidden se mostra mais compatível com qualquer jogo de “Dungeon”.

Agora, o melhor está por vir!

Qual a vantagem de aderir algum desses financiamento coletivo para adquirir essas revistas?

Assim como todo material disponível nessa modalidade, você não terá acesso apenas às revistas em si, mas, sim, a uma série de “recompensas” como: descontos especiais para compra de produtos nas lojas/sites das editoras, mapas, artes exclusivas e, em alguns casos, quadrinhos. Em certos casos o valor pago na edição da revista já é “retornado para você” em desconto em uma compra junto à editora. Ou seja, é só vantagem!

Então, caso você queira conhecer algum, ou todos, esses projetos e incentivar as editoras, além de melhorar suas experiências de jogo com novos conteúdos, ou apenas estar por dentro das novidades do mercado de RPG, não deixa de conferir:

Apoia.se da Dragão Brasil

Catarse da Forbidden

Catarse da NOM

Até mais e boas aventuras!


Acompanhe nossas redes sociais para mais novidades:
Facebook | InstagramTwitter | YouTube




Continue lendo

RPG

Tormenta 20 | Nova Ficha de Personagem Editável v2.0 (duas páginas)

O maior sucesso do RPG nacional, Tormenta 20, ganhou uma nova versão da sua Ficha de Personagem, com duas páginas. Fiquem com a FichaT20 v2.0!

Rafa-el Lima

Publicado há

em

Tormenta20-Ficha-de-Personagem-PDF-Editável-Celular-PC-FichaT20-2.0-duas-páginas
Arte por Ricardo Mango © Jambô Editora

Depois da excelente recepção da versão 1.8 da nossa FichaT20, acreditávamos que nosso trabalho em prol de desenvolver uma ficha de personagem em PDF editável para Tormenta20 havia acabado. A versão da ficha estava, dentro dos limites de um PDF, claro, perfeita. Extremamente prática e funcional.

A comunidade estava satisfeita (exceto por aqueles que nos pediam a “versão b” da ficha). Nós estávamos satisfeitos.

A Jambô Editora, não.

A casa de Tormenta20, a maior editora de RPG do Brasil, decidiu lançar uma nova versão da ficha de personagem de Tormenta20, dessa vez com duas páginas. E, claro, nós não poderíamos deixar vocês, nossos amigos, na mão, não é mesmo?!

Então trazemos aqui para vocês a FichaT20 2.0!

Em linhas gerais, a maioria das coisas segue da mesma forma: O botão de Limpar a Ficha segue no Olho da Tormenta, alguns campos são auto preenchidos e tudo o mais. Todos os novos campos meramente descritivos, como Descrição, Habilidades e Anotações, simplesmente ganharam uma grande área para você escrever dentro, ou seja, apenas o necessário.

++Leia Mais:
– Tormenta 20 | Confira imagens da capa do livro e de outras recompensas
– A Flecha de Fogo | Crítica do novo romance do escritor Leonel Caldela

Mas, mais uma vez, para evitar feedbacks por falta de explicação, vamos deixar aqui alguns detalhes da ficha explicados:

Penalidade de Armadura, Experiência e Deslocamento

São campos novos incluídos para facilitar para o jogador encontrar essa informação.

O campo Penalidade de Armadura já está somando os valores da penalidade da Armadura e do Escudo. Não precisa se preocupar em preenche-lo, já fizemos isso por você.

Tormenta20-Ficha-de-Personagem-Editável-FichaT20-2.0-duas-páginas-Campos-Extras

Tamanho

O campo Tamanho está também automatizado. Você vai poder escolher as seis opções de tamanho disponíveis no jogo (minúsculo, pequeno, médio, grande, enorme e colossal) e, automaticamente, os campos vizinhos (bônus em Furtividade / bônus em Manobra) são preenchidos automaticamente.

O Bônus em Furtividade já está sendo somado/diminuído automaticamente da perícia Furtividade. Não precisa se preocupar com isso também, já nos preocupamos por você. 😉

Um alerta: sempre que selecionar um dos tamanhos da lista, tecle Enter para garantir a seleção (ou então clique fora do campo, em qualquer lugar sem nada na ficha, que serve como teclar o Enter).

++Leia Mais:
– O Inimigo do Mundo | Primeiro romance da trilogia tormenta
– Review | Leonel Caldela e ‘A Flecha de Fogo’ na CCXP

Equipamento

Agora temos mais espaço para você descrever tudo aquilo o que seu aventureiro carrega. A versão original da ficha conta com 16 espaços para você descrever seus equipamentos. A nossa versão só conta com 15, e vamos explicar o motivo.

Quando fazemos uma versão nova da nossa FichaT20, sempre pensamos em como deixar tudo mais fácil para você, usuário. Por isso, decidimos excluir um dos espaços e incluir uma observação, para que você não esqueça que carregar tralhas tem consequências 😛 . Como mostrado na imagem abaixo, o último espaço de equipamento da FichaT20 foi substituído por um aviso com as consequências do excesso de Carga.

OBSERVAÇÃO IMPORTANTISSIMA: Nunca, JAMAIS, deixe qualquer um dos espaços de peso das cargas sem um valor numérico. Se você não deixar pelo menos um 0 (zero) a soma da sua Carga Total dará erro. Então, lembrem-se, se usarem o espaço e depois apagarem, coloquem um 0 (zero) ali.

E lembre-se de utilizar o padrão americano para descrever os pesos. Se algo pesa 1Kg e 100 gramas, descreva 1.1 (um ponto um) e não 1,1 (um vírgula um), pois o sistema de cálculos do PDF leva em consideração um padrão diferente do brasileiro.

Tormenta20-Ficha-de-Personagem-Editável-FichaT20-2.0-duas-páginas-Equipamentos

Magia

O quadro Magia tem duas áreas importantes para falarmos:

Deixamos a opção de você selecionar o atributo-chave da sua magia (“- Ain, mas Força, Destreza e Constituição não podem ser atributo chave de Magia…”. Ok, mas deixamos esses extras pensando no futuro. Vai que um dia passem a ser, né…). Ao selecionar o seu atributo-chave o modificador daquele atributo já aparece no campo seguinte e o cálculo do Teste de Resistência é feito. Tudo certinho.

Outra coisa é sobre a área de descrição das magias. Decidimos deixar apenas um grande bloco de texto pois dá mais liberdade ao usuário para utilizar o espaço da forma que achar melhor. Conforme o exemplo abaixo:

Tormenta20-Ficha-de-Personagem-Editável-FichaT20-2.0-duas-páginas-Magias-


Então galera, é isso. Mais uma versão da FichaT20, a nossa ficha de personagem para Tormenta20, está entregue a vocês. Nos deem os feedbacks que vamos vendo o que podemos fazer para melhorar.

Mais uma vez, e nunca é demais lembrar: nos sigam nas nossas redes sociais (de preferência, nos deem uma força especial para a gente conseguir um dia, quem sabe aquele “poder” do stories do Instagram chamado “Arrastar Para Cima”. É necessário muitos níveis para atingir esse feito… 😛  ). Contamos com vocês! 😉

Download FichaT20 2.0

++ Leia Mais:
Tormenta RPG | FichaT v.3.0.3 (em Excel)
Império de Jade | FichaT em sua versão oriental (em Excel)


Acompanhe nossas redes sociais:
Facebook | Instagram | YouTube | Twitter



Continue lendo

RPG

Tormenta 20 | Ficha de personagem editável em PDF v 1.8.1 (para PC e Celular)

Confira a nova atualização da FichaT20. A Versão 1.8.1 da Ficha de Personagem de Tormenta 20 é baseada na versão final do livro.

Rafa-el Lima

Publicado há

em

Tormenta20-Ficha-Personagem-FichaT20-v1.8-Valkaria
Arte: Ricardo D. Sá

Sim, já temos novas atualizações da nossa Ficha de Personagem de Tormenta 20!

A eterna insatisfação da deusa líder do Panteão, Valkaria, é uma constante no nosso coração. Não satisfeitos com a ótima receptividade da versão 1.7 da FichaT20, nós resolvemos melhorar, ainda mais, o que já estava muito bom!

Não querendo ser pretensioso, mas já sendo, acreditamos que essa versão pode ser a definitiva (exceto por, talvez, lançarmos uma “versão b” com os campos adicionais que tanto agradaram a alguns). A versão anterior não teve nenhum feedback de erro, o que mostra que os problemas mais graves foram resolvidos, e nessa versão só implementamos o “novo sistema” para seleção do Mod. de Atributo para as Perícias e também a possibilidade de selecionar o Mod. de Atributo para a Defesa.

Se você está satisfeito com a versão anterior (versão 1.7), pode continuar a usar sem problemas, nenhum problema foi encontrado nesta versão. Se você quer mais liberdade para mudar os atributos que incidem nas perícias, ou mudar o mod. de atributo da sua defesa de Destreza para Carisma, por exemplo, a versão 1.8 resolverá os seus problemas definitivamente.

++Leia Mais:
– Tormenta 20 | Confira imagens da capa do livro e de outras recompensas
– A Flecha de Fogo | Crítica do novo romance do escritor Leonel Caldela

Novamente, procurando minimizar os feedbacks por simples confusão, vamos tentar deixar claras algumas particularidades da FichaT20 em relação a alguns campos que influenciam outros campos:

Limpar a Ficha

Agora a limpeza da ficha está no “Olho da Tormenta”. Ou seja, para apagar o seu personagem da existência é só invocar o Aharadak. Não precisa ter medo, esse campo não sai na impressão. O logotipo ficará normal, como vocês conhecem.

Tormenta20-Ficha-Personagem-FichaT20-v1.8-cima

Confira os novos campos de Mod. de Atributo no campo das Perícias.

Perícias

Finalmente resolvemos o problema quanto à possibilidade de selecionar o Mod. de Atributo para incidir sobre as Perícias. Agora, se por algum motivo o seu personagem não usa um atributo padrão para uma determinada perícia, basta você selecionar qual atributo você quer usar.

Lembrando que o cálculo do valor final das perícias já leva em consideração toda a somatória dos campos 1/2 Nível, Mod. de Atributo, Treino, Outros e Penalidades de Armadura e Escudo. Além de que, perícias Somente Treinadas só terão valor total diferente de zero (0) se… forem treinadas (dããããã).

Defesa: Armadura, Escudo e Penalidades

A FichaT20 calcula automaticamente o total da Defesa somando os valores de Mod. de Atributo, Bônus de Armadura e Bônus de Escudo ao valor base de 10. Quaisquer Outros bônus precisam ser especificados no campo correspondente na ficha.

Agora, atendendo a pedidos, você pode selecionar qual modificador de atributo incide na sua Defesa. Por padrão o modificador selecionado é Destreza.

Caso o seu personagem use Armadura Pesada, ou por algum motivo não pode contar com o bônus do modificador de destreza na Defesa, basta você DESMARCAR o campo Mod. de Atributo. Assim, o bônus do modificador será desconsiderado do calculo final da Defesa do personagem.

Tormenta20-Ficha-Personagem-FichaT20-v1.8-baixo

Novo campo de seleção de Mod. de Atributo para a Defesa.

++Leia Mais:
– O Inimigo do Mundo | Primeiro romance da trilogia tormenta
– Review | Leonel Caldela e ‘A Flecha de Fogo’ na CCXP


Tem sido um trabalho desafiador e extremamente gratificante trabalhar nas versões da FichaT20, e ela não estaria com a qualidade que está se não fossem os feedbacks de vocês, membros ativos da comunidade da Masmorra de Valkaria e do Dragões da Tormenta. E, claro, à parceria do grande Téo, o homem por trás dos scripts, que faz as minhas ideias virarem realidade.

Mais uma vez reforçamos o pedido que já fizemos antes: nos sigam nas nossas redes sociais (de preferência, nos deem uma força especial para a gente conseguir um dia, quem sabe aquele “poder” do stories do Instagram chamado “Arrastar Para Cima”. É necessário muitos níveis para atingir esse feito… 😛 ). Infelizmente a qualidade do trabalho que desempenhamos aqui não conta muito para que nós angariemos novos parceiros para o site. Melhores números lá nas nossas redes nos ajudariam MUITO. Contamos com vocês! 😉

EDIT.: Recebemos um feedback quanto a um erro que estava acontecendo com quem usava a FichaT20 em navegadores. Ao definir o valor do bônus da Armadura este zerava e não era contabilizado no valor total da Defesa. Achamos o problema e acreditamos ter resolvido. No mais a ficha continua a mesma.

EDIT.2: Versão 2.0 em PDF editável.

Download Ficha T20 v. 1.8.1

++ Leia Mais:
Tormenta RPG | FichaT v.3.0.3 (em Excel)
Império de Jade | FichaT em sua versão oriental (em Excel)


Acompanhe nossas redes sociais:
Facebook | Instagram | YouTube | Twitter



Continue lendo

RPG

Tormenta 20 | Ficha de personagem editável em PDF v 1.7 (para PC e Celular)

Confira a nova atualização da FichaT20. A Versão 1.7 da Ficha de Personagem de Tormenta 20 é baseada na versão final do livro.

Rafa-el Lima

Publicado há

em

Tormenta20-Ficha-de-Personagem-T20-v1.7-Livro-Final

A versão final do livro Tormenta20 chegou. A nova versão da FichaT20 também!

Enfim chegamos à versão final de Tormenta 20, nova edição do mais famoso RPG brasileiro, lançado pela Jambô Editora. A versão 1.1 já está disponível para os apoiadores do financiamento coletivo de Tormenta.

E, para não perder o costume, nós do Multiversos trazemos para vocês mais uma versão da nossa FichaT20. Nesta atualização, trazemos a ficha no belíssimo layout apresentado na versão final do livro.

++Leia Mais:
– Tormenta 20 | Confira imagens da capa do livro e de outras recompensas
– A Flecha de Fogo | Crítica do novo romance do escritor Leonel Caldela

Dessa vez, novamente procurando minimizar os feedbacks por simples confusão, vamos tentar deixar claras algumas particularidades da FichaT20 em relação a alguns campos que influenciam outros campos:

Limpar a Ficha

Agora a limpeza da ficha está no “Olho da Tormenta”. Ou seja, para apagar o seu personagem da existência é só invocar o Aharadak. Não precisa ter medo, esse campo não sai na impressão. O logotipo ficará normal, como vocês conhecem.

Nível

A nossa Ficha de Tormenta 20 calcula automaticamente o seu bônus de Treinamento em Perícias, de acordo com o seu nível. Portanto, é importante lembrar de sempre manter um valor entre 1 e 20 no campo nível. Por isso, agora a ficha de personagem está setada como nível 1 por padrão, para evitar de alguém esquecer de definir um nível e vir a dar um feedback por algo que não está errado.

Atributos e Modificadores

Ao definir seus valores de Atributo seus modificadores serão calculados automaticamente e lançados nas suas Perícias correspondentes.

O mesmo NÃO acontece com os modificadores de atributo que incidem nos seus PVs, PMs, Bônus de Ataque e Dano, e demais poderes/habilidades. Lembrem que esses modificadores precisam ser incluídos por vocês ao montarem suas fichas.

Defesa: Armadura, Escudo e Penalidades

A FichaT20 calcula automaticamente o total da Defesa somando os valores de Modificador de Destreza, Bônus de Armadura e Bônus de Escudo ao valor base de 10. Quaisquer Outros bônus precisam ser especificados no campo correspondente na ficha.

Caso o seu personagem use Armadura Pesada, ou por algum motivo não pode contar com o bônus do modificador de destreza na Defesa, basta você DESMARCAR o campo Mod. de Destreza. Assim, o bônus do modificador de destreza será desconsiderado do calculo final da Defesa do personagem.

Tormenta20-Ficha-de-Personagem-T20-v1.7-Livro-Final-Mod.Destreza

Para desconsiderar o valor do Mod. de Destreza da sua Defesa, basta desmarcar a opção em destaque na imagem.

Os campos Defesa e Penalidade, que estão dentro da área de descrição Armadura & Escudo, precisam ser informados de forma POSITIVA (Ex.: Defesa 5. Penalidade 1, não -1). Os valores de Penalidade de Armadura são subtraídos automaticamente do valor total das Perícias que são afetadas pela penalidade.

++Leia Mais:
– O Inimigo do Mundo | Primeiro romance da trilogia tormenta
– Review | Leonel Caldela e ‘A Flecha de Fogo’ na CCXP

Perícias

Deixamos essa informação por último para deixar claro algumas coisas:

  1. O cálculo das perícias é a parte mais “trabalhosa” ao se fazer a ficha de personagem no RPG, pois são vários pequenos cálculos que vão mudando, basicamente, a cada nível ou a cada dois níveis. Ou seja, é um eterno retrabalho a cada mudança de nível ou aumento de atributo. Não estamos dizendo que é difícil, apenas chato. Repetitivo. Por isso automatizamos o processo;
  2. Infelizmente, como nem tudo são flores, até a automatização aqui é complicada pois, em Tormenta 20, nem sempre as Perícias usam os Modificadores de Atributo padrão que estão definidos para elas. Por isso, deixamos os Modificadores de Atributo editáveis, para que, caso seja necessário, você possa substituir um bônus por outro. Infelizmente, como o Adobe Acrobat não é a melhor plataforma para se programar, ao executar um script qualquer na Ficha o valor do atributo original voltará ao seu lugar. Por exemplo:
    1. Você mudou o seu bônus de Modificador de Força, que incidia na perícia Atletismo, pelo Modificador de Destreza. Ele vai ficar lá, tranquilo, de boas… Lindão. Até que você vai e marca o campo Armadura Pesada… Ao executar o script de Armadura Pesada o Adobe Reader vai fazer o bônus de Modificador de Atributo da sua perícia Atletismo voltar ao valor do Modificador de Força inicial.

Infelizmente, até o momento, não sabemos como resolver esse problema. AINDA!

Mas, para que você consiga usar a Ficha T20 da melhor forma possível, deixamos aqui uma dica/sugestão:

Faça toda a sua ficha — toda, completinha, TUDO — ANTES de fazer as mudanças em qualquer Modificador de Atributo em alguma perícia. Você faz a ficha toda e, por último, muda os bônus de atributo das perícias que preferir e salva. Com isso a ficha estará pronta como você quer mas, lembre-se, qualquer eventual script rolado vai trazer os valores dos modificadores de atributo originais de volta.

Lembrando mais uma coisinha sobre Perícias:

As perícias Somente Treinadas ficam com os valores finais zerados a menos que sejam selecionadas como treinadas. Ou seja, essas perícias só terão valores diferentes de zero caso tenham seus campos de seleção ‘Treino’, aquele quadradinho cinza do lado esquerdo do nome da perícia, marcados.

Algumas pequenas mudanças que fizemos nessa versão ficha foram:

  • Fizemos uma pequena mudança estética nos quadros de seleção de Mod. de Destreza. Acreditamos que ficou mais agradável o visual com essa mudança;
  • Corrigimos o problema que havia no campo das perícias em que, ao mudar o bônus de atributo de uma perícia, todos os bônus baseados no mesmo atributo mudavam. Por exemplo: Você mudou o seu bônus do Modificador de Força, que incidia na perícia Atletismo, de 2 para 4 (para simular o efeito de ganhar, em Atletismo, o bônus do Modificador de Destreza). Com isso, de forma errada, TODAS as outras perícias baseadas em Força, que tinham o seu bônus de atributo de 2, eram mudadas para um bônus de 4. Agora esse erro não ocorre mais. Apenas a perícia mudada sofre a alteração, como sempre deveria ter sido.

Então, galera, mais uma vez, muitíssimo obrigado pelos feedbacks e palavras de apoio. O retorno e satisfação de vocês é o nosso combustível.

Mais uma vez reforçamos o pedido que já fizemos antes: nos sigam nas nossas redes sociais (de preferência, nos deem uma força especial para a gente conseguir um dia, quem sabe aquele “poder” do stories do Instagram chamado “Arrastar Para Cima”. É necessário muitos níveis para atingir esse feito… 😛 ). Infelizmente a qualidade do trabalho que desempenhamos aqui não conta muito para que nós angariemos novos parceiros para o site. Melhores números lá nas nossas redes nos ajudariam MUITO. Contamos com vocês! 😉

EDIT.: Versão 2.0 em PDF.

Download Ficha T20 v. 1.7

++ Leia Mais:
Tormenta RPG | FichaT v.3.0.3 (em Excel)
Império de Jade | FichaT em sua versão oriental (em Excel)


Acompanhe nossas redes sociais:
Facebook | Instagram | YouTube | Twitter


Continue lendo

RPG

Tormenta 20 | Ficha de personagem editável em PDF v 1.6 (para PC e Celular)

FichaT20: Versão 1.6 da Ficha de Personagem de Tormenta 20, RPG da Jambô Editora, responsável pelo maior financiamento coletivo do Brasil.

Rafa-el Lima

Publicado há

em

Tormenta20-Ficha-PDF-Editável.v1.6

Sim! Já temos uma nova versão com correções da nossa FichaT20.

Estamos cada dia mais perto da versão final de Tormenta 20, nova edição do mais famoso RPG brasileiro, lançado pela Jambô Editora. Tal edição chegará com o lançamento da versão 1.1 — já em processo de correção e revisão, segundo o Guilherme Dei Svaldi — e, logo em seguida, teremos o início da confecção da versão física para os apoiadores do maior Financiamento Coletivo do Brasil.

Nós do Multiversos também sentimos que estamos cada vez mais próximos da versão final da nossa FichaT20 em PDF. Temos aqui para vocês mais uma versão com correções, buscando sempre tornar a versão básica da ficha de personagem de Tormenta 20 mais completa e simples e usar.

++Leia Mais:
– Tormenta 20 | Confira imagens da capa do livro e de outras recompensas
– A Flecha de Fogo | Crítica do novo romance do escritor Leonel Caldela

Dessa vez, procurando minimizar os feedbacks por simples confusão, vamos tentar deixar clara algumas particularidades da FichaT20 em relação a alguns campos que influenciam outros campos:

Nível

A nossa Ficha de Tormenta 20 calcula automaticamente o seu bônus de Treinamento em Perícias, de acordo com o seu nível. Portanto, é importante lembrar de sempre manter um valor entre 1 e 20 no campo nível senão, ao escolher uma perícia para treinar, o valor do treino será 0 (zero).

Atributos e Modificadores

Ao definir seus valores de Atributo seus modificadores serão calculados automaticamente e lançados nas suas Perícias correspondentes.

O mesmo NÃO acontece com os modificadores de atributo que incidem nos seus PVs, PMs, Bônus de Ataque e Dano, e demais poderes/habilidades. Lembrem que esses modificadores precisam ser incluídos por vocês ao montarem suas fichas.

Defesa: Armadura, Escudo e Penalidades

A FichaT20 calcula automaticamente o total da Defesa somando os valores de Modificador de Destreza, Bônus de Armadura e Bônus de Escudo ao valor base de 10. Quaisquer Outros bônus precisam ser especificados no campo correspondente na ficha.

Caso o seu personagem use Armadura Pesada, que faz com que ele perca o bônus do Modificador de Destreza na Defesa, basta você marcar o campo Armadura Pesada, do lado esquerdo da sua designação de Armadura. Assim, o bônus do Modificador de Destreza será desconsiderado do calculo final da Defesa do personagem.

Os campos Defesa e Penalidade, que estão dentro da área de descrição Armadura & Escudo, precisam ser informados de forma POSITIVA (Ex.: Defesa 5. Penalidade 1, não -1). Os valores de Penalidade de Armadura são subtraídos automaticamente do valor total das Perícias que são afetadas pela penalidade.

++Leia Mais:
– O Inimigo do Mundo | Primeiro romance da trilogia tormenta
– Review | Leonel Caldela e ‘A Flecha de Fogo’ na CCXP

Perícias

Deixamos essa informação por último para deixar claro algumas coisas:

  1. O cálculo das perícias é a parte mais “trabalhosa” ao se fazer a ficha de personagem no RPG, pois são vários pequenos cálculos que vão mudando, basicamente, a cada nível ou a cada dois níveis. Ou seja, é um eterno retrabalho a cada mudança de nível ou aumento de atributo. Não estamos dizendo que é difícil, apenas chato. Repetitivo. Por isso automatizamos o processo;
  2. Infelizmente, como nem tudo são flores, até a automatização aqui é complicada pois, em Tormenta 20, nem sempre as Perícias usam os Modificadores de Atributo padrão que estão definidos para elas. Por isso, deixamos os Modificadores de Atributo editáveis, para que, caso seja necessário, você possa substituir um bônus por outro. Infelizmente, como o Adobe Acrobat não é a melhor plataforma para se programar, ao executar um script qualquer na Ficha o valor do atributo original voltará ao seu lugar. Por exemplo:
    1. Você mudou o seu bônus de Modificador de Força, que incidia na perícia Atletismo, pelo Modificador de Destreza. Ele vai ficar lá, tranquilo, de boas… Lindão. Até que você vai e marca o campo Armadura Pesada… Ao executar o script de Armadura Pesada o Adobe Reader vai fazer o bônus de Modificador de Atributo da sua perícia Atletismo voltar ao valor do Modificador de Força inicial.

Infelizmente, até o momento, não sabemos como resolver esse problema. AINDA!

Mas, para que você consiga usar a Ficha T20 da melhor forma possível, deixamos aqui uma dica/sugestão:

Faça toda a sua ficha — toda, completinha, TUDO — ANTES de fazer as mudanças em qualquer Modificador de Atributo em alguma perícia. Você faz a ficha toda e, por último, muda os bônus de atributo das perícias que preferir e salva. Com isso a ficha estará pronta como você quer mas, lembre-se, qualquer eventual script rolado vai trazer os valores dos modificadores de atributo originais de volta.

Lembrando mais uma coisinha sobre Perícias:

As perícias Somente Treinadas ficam com os valores finais zerados a menos que sejam selecionadas como treinadas. Ou seja, essas perícias só terão valores diferentes de zero caso tenham seus campos de seleção ‘Treino’, aquele quadradinho cinza do lado esquerdo do nome da perícia, marcados.

Algumas pequenas mudanças que fizemos nessa versão ficha foram:

  • Incluímos o campo CARGA, dentro da área Equipamento, conforme solicitado por muitos jogadores;
  • Fizemos uma pequena mudança estética nos quadros de seleção de Perícias e Armadura Pesada. Acreditamos que ficou mais agradável o visual com essa mudança;
  • Corrigimos o problema que havia no campo das perícias em que, ao mudar o bônus de atributo de uma perícia, todos os bônus baseados no mesmo atributo mudavam. Por exemplo: Você mudou o seu bônus do Modificador de Força, que incidia na perícia Atletismo, de 2 para 4 (para simular o efeito de ganhar, em Atletismo, o bônus do Modificador de Destreza). Com isso, de forma errada, TODAS as outras perícias baseadas em Força, que tinham o seu bônus de atributo de 2, eram mudadas para um bônus de 4. Agora esse erro não ocorre mais. Apenas a perícia mudada sofre a alteração, como sempre deveria ter sido.

Versões ‘a’ e ‘b’

Como a versão 1.5 da FichaT20 trouxe duas versões da ficha, com cabeçalhos diferentes em cada uma, e que aparentemente agradou a muitos, a versão 1.6 também contará com as duas versões atualizadas.


Então, galera, mais uma vez, muitíssimo obrigado pelos feedbacks e palavras de apoio. O retorno e satisfação de vocês é o nosso combustível.

Mais uma vez reforço o pedido que já fiz antes: nos sigam nas nossas redes sociais (de preferência, nos deem uma força especial para a gente conseguir um dia, quem sabe aquele “poder” do stories do Instagram chamado “Arrastar Para Cima”. É necessário muitos níveis para atingir esse feito… 😛 ). Infelizmente a qualidade do trabalho que desempenhamos aqui não conta muito para que nós angariemos novos parceiros para o site. Melhores números lá nas nossas redes nos ajudariam MUITO. Contamos com vocês! 😉

EDIT.: Versão 2.0 em PDF.

Download Ficha T20 v. 1.6a

(versão com cabeçalho padrão)

Download Ficha T20 v. 1.6b

(versão com cabeçalho modificado)

++ Leia Mais:
Tormenta RPG | FichaT v.3.0.3 (em Excel)
Império de Jade | FichaT em sua versão oriental (em Excel)


Acompanhe nossas redes sociais:
Facebook | Instagram | YouTube | Twitter


Continue lendo

RPG

Tormenta 20 | Ficha de personagem editável em PDF v 1.5 (para PC e Celular)

Confira a nova versão 1.5 da FichaT20, ficha de personagem editável em PDF semi-automático para o RPG Tormenta 20. Para PC e Celular.

Rafa-el Lima

Publicado há

em

Tormenta20-Ficha-de-Personagem-v1.5

Mais uma versão da Ficha de Personagem para Tormenta 20 em PDF editável!

E o Multiversos segue na sua eterna busca pela ficha perfeita! (Hehehehe) E, depois dos feedbacks da versão 1.4 da nossa Ficha T20, nós trazemos a versão 1.5, com correções e melhorias.

Tormenta 20, nova edição do mais famoso RPG brasileiro, lançado pela Jambô Editora, está a caminho do lançamento da versão 1.1 (que será a sua versão Toguro a 200%) e, em seguida, o lançamento da versão física para os apoiadores do Financiamento Coletivo do novo livro básico.

Para você que ainda não está jogando o T20, não fique triste. Aqui você também encontra as fichas para Tormenta RPG e Império de Jade, ambas em Excel, para continuar jogando seus outros jogos antes da versão definitiva do Tormenta 20.

++Leia Mais:
– Tormenta 20 | Confira imagens da capa do livro e de outras recompensas da campanha
– A Flecha de Fogo | Crítica do novo romance do escritor Leonel Caldela

Vamos, então, falar das mudanças da versão 1.5 da FichaT20:

1. Armadura Pesada

Com os feedbacks que recebemos foi possível constatar o erro quanto ao problema relacionado ao problema do uso de Armadura Pesada. Agora, ao lado da descrição da armadura, é possível que você selecione a opção de Armadura Pesada, com isso o bônus de destreza que seria somado ao valor da Defesa é zerado.

2. Modificadores de Habilidades das Perícias

Outro problema que nos foi relatado na versão anterior foi quanto a necessidade de, por vezes, mudar o valor de habilidade que é aplicado em determinada perícia. Por isso, a partir de agora, o Modificador de Atributo das perícias é editável. A automatização base está funcionando mas, caso você precise editar o valor, agora é possível (mas saiba que depois de editar a automatização não funcionará mais).

Ficha de Personagem Tormenta 20. Botão "Pesada" ao lado da descrição de Armadura e o Mod. de Atributo disponível para edição.

Botão “Pesada” ao lado da descrição de Armadura e o Mod. de Atributo disponível para edição.

Além destas alterações principais algumas outras pequenas alterações foram feitas: como a divisão do campo ‘Equipamentos‘ em duas colunas e o aumento da área útil do do campo ‘Habilidades & Magias‘.

Algumas coisinhas das versões anteriores permanecem, como: nenhum dos campos que iniciam com o valor 0 (zero), deve ficar sem valores. Então, se você apagou algum desses zeros e não pretende modificar o valor, por favor, deixe o valor de zero para evitar erros de cálculos. E, lembrem, os valores de Penalidade de Armadura devem ser informados positivos, sem qualquer adição de sinal.

++Leia Mais:
– O Inimigo do Mundo | Primeiro romance da trilogia tormenta
– Review | Leonel Caldela e ‘A Flecha de Fogo’ na CCXP

Estas são, basicamente, as principais mudanças e a versão com essas alterações nós chamamos de v 1.5.a. E aí você nos pergunta: “Se existe uma versão ‘a’, existe uma versão ‘b’?”

E a resposta é: Sim, existe!

Ficha de Personagem Tormenta 20. Cabeçalho da FichaT20 v 1.5.a.

Cabeçalho da FichaT20 v 1.5.a.

O motivo é que, além dessas mudanças, nós — e alguns outros jogadores — sentimos falta de campos onde fosse possível especificar Divindade Patrona, Deslocamento e XP ganhos. Por isso, nós resolvemos fazer uma pequena inclusão na ficha mas, como é de se esperar, a inclusão dessas informações não agradou a todos os nossos playtesters (aliás, um muito obrigado a todos 😉 ). Então, pensando em agradar a todos, nós estamos disponibilizando as duas versões: v 1.5.a (versão padrão da Jambô) e v 1.5.b (versão com campos adicionais).

Ficha de Personagem Tormenta 20. Cabeçalho da FichaT20 v 1.5.b, com campos adicionais.

Cabeçalho da FichaT20 v 1.5.b, com campos adicionais.

Então, mais uma vez, nós pedimos que, caso vocês tenham feedbacks, por favor, falem conosco nas nossas rede sociais e nos informem os problemas.

EDIT.: Versão 2.0 em PDF.

Fiquem com as novas versões da FichaT20:

Download FichaT20 v 1.5.a (campos normais)

e

Download FichaT20 v 1.5.b (campos adicionais)


Acompanhe nossas redes sociais:
Facebook | Instagram | YouTube | Twitter


 

Continue lendo

RPG

Tormenta 20 | Ficha de personagem editável em PDF v 1.4 (para PC e Celular)

Ficha de personagem para Tormenta20 em PDF editável para desktop e smartphones.

Rafa-el Lima

Publicado há

em

Tormenta20-FichaT20-v1.4

Nova versão da FichaT20 em PDF editável, já está entre nós!

Logo em seguida ao recente lançamento da versão 1.3 da FichaT20, trazemos para vocês a versão 1.4 com correções e implementações que, acreditamos, irão agradar a muitos (senão todos) os usuários.

Como sempre, nosso objetivo é trazer para o público de Tormenta, RPG da Jambô Editora, um facilitador na criação de personagens. Fizemos isso com Tormenta RPG, mantendo a FichaT, iniciada pela galera do blog Área de Tormenta, viva e sempre atual; com Império de Jade, adaptando a FichaT em uma versão própria para os aventureiros da ilha de Tamu-ra; e já estamos na quarta atualização da FichaT20, para Tormenta20, RPG que foi sucesso absoluto de arrecadação no Catarse.

Nesta nova versão da FichaT20, graças ao apoio e parceria do grande Tálison Teófilo, várias implementações interessantes foram feitas visando facilitar ainda mais o uso da ficha. Confira abaixo as mudanças:

1. Modificadores de Atributo

Agora os modificadores de atributo são calculados automaticamente. Um trabalho a menos quando você for estiver fazendo seus personagens.

2. Perícias: Somatório de 1/2 do Nível, Treinamento, perícia Pilotagem e Penalidades

O campo de 1/2 do Nível agora é preenchido automaticamente quando você define o nível do personagem.

O treinamento das perícias agora é definido marcando o campo de seleção ao lado do nome da perícia. Ao selecionar a perícia, clicando no quadradinho, automaticamente a ficha preencherá o campo Treino e somará este ao resultado final. E, claro, nós já automatizamos para que a ficha reconheça a mudança dos valores de acordo com o nível, então:

  • Do nível 1 ao 6, a ficha adicionará um bônus de +2 no campo de Treino da perícia que for escolhida como treinada;
  • Assim como no nível 7 ao 14, a ficha colocará um bônus de +4 no campo de Treino;
  • E do nível 15 ao 20, a ficha passará a considerar o bônus de +6 no campo de Treino.

Acabou o problema de errar o valor total das perícias por esquecer das mudanças que acontecem no decorrer dos níveis. 😉

Além disso, as perícias “Somente Treinadas” só terão valores totais calculados caso tenham escolhidas. Acreditamos que isso ajudará a lembrar que é impossível usar tais perícias a menos que estas sejam selecionadas.

Aproveitamos e também corrigimos a estrutura da ficha. Substituímos a perícia Navegação, baseada em Sabedoria, e colocamos no lugar Pilotagem, baseada em Destreza, de acordo com as regras do livro Tormenta 20, v. 0.9.

A Penalidade de Armadura e Escudo continuam sendo somadas automaticamente, mas não ficam mais visíveis ao lado das perícias onde se aplicam. E, diferente do que acontecia nas versões anteriores da FichaT20, agora vocês não precisam mais escrever as penalidade em valor negativo ( -1, -2…). Agora basta colocar o valor normal (1, 2, 3…) que a ficha vai fazer a subtração direto.

3. Limpar a Ficha

Por último, e não menos importante, no canto superior esquerdo da ficha incluímos um “botão” que faz um reset na ficha, para que não seja mais necessário limpar campo-a-campo caso você queira recomeçar um personagem. O botão não sairá na sua impressão, caso você venha a imprimir sua ficha.

Todas as mudanças anteriores, como a limpeza dos campos Habilidades & Magias e Equipamentos, permanecem.


Se você gostou das mudanças e tem gostado do nosso trabalho com a FichaT20, nós temos dois pedidos para vocês:

  1. Não esqueça de ir até as nossas redes sociais e curtir/seguir cada uma delas. Vocês não fazem ideia de como isso nos ajuda e nos dá noção do quanto o nosso trabalho está agradando;
  2. Nós estamos fazendo uma votação no nosso Twitter para decidirmos qual das Fichas Estilizadas nós devemos trazer em versão editável primeiro. Só tem mais um dia para votar. Vai lá, segue e vota:

 

EDIT.: Versão 2.0 em PDF.

Agora, sem mais delongas, fiquem com a nova versão da FichaT20:

Download FichaT20 v 1.4


Acompanhe nossas redes sociais:
Facebook | Instagram | YouTube | Twitter


 

Continue lendo

RPG

Tormenta 20 | Ficha de personagem editável em PDF v 1.3 (para PC e Celular)

Ficha de personagem em PDF editável para Tormenta20.

Rafa-el Lima

Publicado há

em

Tormenta20-FichaT20-v1.3

Atendendo a pedidos, uma pequena mudança na nossa Ficha T20.

A versão 0.9 de Tormenta20, o maior RPG do Brasil, está entre nós. Mesmo que a sua ficha de personagens não tenha sofrido qualquer alteração, nós resolvemos atender uma solicitação específica do público e facilitar a interação com os campos de inclusão das “Habilidades & Magias” e “Equipamentos”.

Na nossa versão 1.2, que você pode conferir AQUI, os campos de “Habilidades & Magias” e “Equipamentos” contavam com vários quadros de preenchimento separados, conforme a ficha original lançada pela Jambô Editora. Veja abaixo:

Campos de"Habilidades & Magias" e "Equipamentos" na v 1.2 da FichaT20.

Na versão atual da FichaT20, v 1.3, os campos foram unificados em áreas maiores para, assim, permitir uma maior quantidade de informações, bem como permitir que a organização ocorra de acordo com a vontade do usuário. Confira abaixo:

Novos campos de"Habilidades & Magias" e "Equipamentos" na v 1.3 da FichaT20.

Agora nós temos ambas as versões disponíveis, e você pode escolher qual lhe agrada mais e usar.

Assim como na versão 1.2, a versão 1.3 tem certas peculiaridades no uso. Caso tenha alguma dúvida quanto ao preenchimento da FichaT20, confira este post.

EDIT.: Versão 2.0 em PDF.

Você pode baixar a versão 1.2 da FichaT20 AQUI, ou usar a versão 1.3 logo abaixo:

Download FichaT20 (v 1.3)

 

++ Leia Mais:
Tormenta RPG | FichaT v.3.0.3 (em Excel)
Império de Jade | FichaT em sua versão oriental (em Excel)


Acompanhe nossas redes sociais:
Facebook | Instagram | YouTube | Twitter


Continue lendo

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Top do Mês